quinta-feira, 26 de junho de 2014

Editoras nacionais entram na onda de relançar clássicos

 A edição de clássicos da literatura mundial sempre é um bom negócio para o mercado editorial e uma oportunidade para o leitor: na maioria das vezes, para tornar atraente o que já foi publicado outras vezes, as editoras apostam em volumes bem cuidados, ilustrados, acrescidos de ensaios inéditos sobre os autores e com traduções novas. Quatro editoras apostam em reedições que trazem às prateleiras nomes e títulos inevitáveis da literatura mundial. A Grua Livros tem o projeto mais recente: vai lançar 50 títulos clássicos com novas traduções e em edições de bolso com preço fixo de R$ 19. Os primeiros quatro volumes -A briga dos dois Ivans (Nikolai Gógol), A lição do mestre (Henry James), Bartleby o escrevente (Herman Melville) e Freya das sete ilhas (Joseph Conrad) já podem ser encontrados nas livrarias. As edições trazem um frescor para romances que nunca saem de moda e que ajudam a construir a história da literatura. São simples e não têm prefácios, mas estão cheias de notas de rodapé. 

Para saber mais sobre o projeto, entre no site da Grua Livros (http://www.grualivros.com.br/)




Nenhum comentário:

Postar um comentário