quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Sedac anuncia novo edital para Bibliotecas Públicas na Jornada de Passo Fundo

Mais de 28 mil participantes, 101 escritores de 11 nacionalidades este o cenário da 15ª edição da Jornada Nacional de Literatura de Passo Fundo que começou na noite dessa terça-feira (27) com o tema Leituras Jovens do Mundo. O evento, que segue até o  sábado (31), conta com nomes  como Walcir Carrasco, Jairo Bauer, Laura Muller, Roberto DaMatta e Ignácio de Loyola Brandão.





Representando o governador Tarso Genro, o secretário de Estado da Cultura, Assis Brasil, anunciou a abertura de um novo edital no valor de R$ 1 milhão para a Modernização de Bibliotecas, em municípios com até 10 mil habitantes. “ Os recursos são destinados à compra de livros e equipamentos. Aproveitamos este magnífico evento para este anúncio como forma de mostrar o quanto a Jornada é catalizadora de ações”. Assis Brasil lembrou ainda, a participação do estado por meio da isenção fiscal, pois o evento conta com as Leis de Incentivo à Cultura Estadual e Federal.
O secretário Executivo do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL), José Castilhos Neto, que representou a ministra Marta Suplicy, valorizou a união de esforços que a jornada representa. “Desde  2006 temos o Plano Nacional do Livro e Literatura que é tão bem sintetizado aqui quando vemos estado e sociedade trabalhando juntos para a realização desta jornada. Vemos também cultura e educação juntas e este é outro dos pilares do PNLL. Aqui de fato celebramos a ação, uma ação que existe aqui deveria existir em todos os cantos do país”, concluiu.
A Coordenadora geral das jornadas Tânia Rösing fez um discurso entusiasmado e descontraído ao dizer que sonhava com os patrocinadores.  Usou a palavra “agradecimento” como símbolo do seu sentimento estendido também aos escritores, músicos e participantes. Agradeceu ao governador Tarso Genro e ao secretário Assis Brasil pelo “trabalho que têm liderado para ampliar as ações pela cultura no Rio Grande do Sul”. Tânia destacou o tema do ano que é dedicado aos jovens “ Fazemos um convite para entendermos o presente e construirmos o futuro pela literatura. Colaboramos para que esta geração se comprometa por uma sociedade mais justa, emancipada e cidadã”.
Show literário

Das páginas dos livros para o show de abertura da Jornada de Literatura

As crônicas de Nárnia, Harry Potter, Senhor dos Anéis e Alice no país das maravilhas entraram em cena, envolvendo o público no show de abertura da jornada. Mais de 120 pessoas dos grupos artísticos da Universidade de Passo Fundo (UPF) e convidados integraram a equipe que montou o espetáculo . Coordenados pelo maestro e coreógrafo Fernando Montini, eles representaram obras que fazem parte da vida dos jovens e adolescentes de hoje.  Ao final  Humberto Gessinger apresentou a música que compôs para a  15ª Jornada Nacional de Literatura a partir da letra escrita pelo professor Paulo Becker.
Noite de Prêmios
A noite de abertura da Jornada Nacional de Literatura tebe ainda o anúncio dos vencedores de dois prêmios. O secretário Assis Brasil anunciou os vencedores da 13ª edição do Concurso Nacional de Contos Josué Guimarães, que é promovido numa parceria do Instituto Estadual do Livro (IEL) e a Jornada Nacional de Literatura. Olavo Amaral, em primeiro lugar, e Mariana Salomão Carrara, em segundo, foram os vencedores.

Olavo Amaral recebeu prêmio Josué Guimarães
Olavo é gaúcho, tem 34 anos, atualmente é  professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde mora há três anos e meio.  Ele recebe o prêmio de R$ 5 mil pela vitória com os contos Uok phlau, Quarto à beira d`água e Icebergs. Amaral também recebeu um estágio de 10 dias na Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha, para onde deverá embarcar em outubro próximo.Mariana mora em São Paulo e recebe R$ 3.000,00 com a premiação dos contos Memória de pano, A voz e Descoloridos.
Foram destacados com menção honrosa pela comissão julgadora os contistas: Rodrigo Lage Leite, de São Paulo, com os textos Magrinho, Malas prontas para Berlim e Vulgar; e Walther Moreira Santos, de Vitória de Santo Antão (PE), com os contos Felicidade, Satisfação e Todas as coisas boas da vida.
Os textos dos contistas premiados  serão editados em antologia organizada pelo Instituto Estadual do Livro(IEL) e publicada em coedição com a Fundação Universidade de Passo Fundo e Prefeitura de Passo Fundo. Durante esta 15ª Jornada Nacional de Literatura, serão lançados os livros de contos relativos à 10ª, 11ª e 12ª edições do Concurso de Contos.
Criado em 1988, o concurso recebe contos inéditos de autores que já tenham obras publicadas ou não. A premiação leva o nome do jornalista e escritor sul-rio-grandense que apoiou a criação e expansão das Jornadas Literárias de Passo Fundo – Josué Guimarães.
Também foi divulgado o resultado do 8º Prêmio Passo Fundo Zaffari & Bourbon de Literatura. O romance Infâmia da escritora Ana Maria Machado ficou em primeiro lugar recebendo R$ 150 mil.
A jornada
As Jornadas Literárias são realizadas há 32 anos pela Universidade de Passo Fundo (UPF), em parceria com a Prefeitura de Passo Fundo. A 15ª edição conta com os patrocínios de Petrobras, Banrisul e Pepsi e com o apoio dos ministérios da Educação e Cultura e da Secretaria Estadual da Cultura do Rio Grande do Sul, dentre outras empresas e órgãos.
Informações sobre a programação completa podem ser obtidas no portal www.jornadasliterarias.upf.br

Fonte: Cultura RS

Nenhum comentário:

Postar um comentário