quarta-feira, 19 de junho de 2013

IEL lança quatro novos livros


Mais quatro livros do plano de edições do Instituto Estadual do Livro (IEL) serão lançados em junho. A noite de autógrafos será dia 20, a partir das 19h, na sede do instituto (Rua André Puente, 318, bairro Independência). Entre os lançamentos, está uma homenagem à dramaturga, atriz, professora e tradutora gaúcha Vera Karam (1959-2003), com a edição de sua obra completa.
Será feita uma leitura dramática de um texto de Vera (a peça Dá licença, por favor), com os  atores Clóvis Massa e Gisela  Habeyche e direção de Mauro Soares.Os atores são professores do Departamento de Arte Dramática da  UFRGS, com trajetória significativa no teatro gaúcho. Mauro era amigo da autora e o primeiro diretor de suas peças. Dirigiu  toda a sua  dramaturgia, além de ter  adaptado para o teatro dois textos de seu livro de contos. Os outros três livros lançados no evento integram a Coleção Originais. São eles: Caos, de Carlos Ferreira (quadrinhos); Palavra enguiçou, de Júlio Alves (poesia); e Equilíbrio de açucenas, de Haydée Hostin Lima (poesia).

Os autores

Vera Karam - A dramaturgia de Vera Karam se destaca pela ironia na abordagem de desencontros amorosos. Em apenas dez anos de produção, ela teve premiadas as peças Maldito coração, me alegra que tu sofras e Ano Novo, vida nova.
Vera começou a carreira teatral integrando o Grêmio Dramático Açores, formado no Teatro de Arena de Porto Alegre (Tapa) em 1970. Depois de cursar a oficina literária do escritor Luiz Antonio de Assis Brasil, Vera passou a produzir contos e textos para teatro, iniciando uma trajetória marcante na dramaturgia do Rio Grande do Sul.
Carlos Ferreira - artista gráfico, diretor e roteirista. Desenvolve atividades na área de cinema, quadrinhos, televisão e música. Tem quadrinhos publicados no Brasil, Argentina e Japão. Autor roteirista dos álbuns Kardec e os sertões- a  luta da Revista Picabu.
Júlio Alves - poeta catarinense nascido em Criciúma, está radicado no Rio Grande do Sul desde 1972.
Haydée Hostin Lima - natural do Paraná, veio ainda criança para o Rio Grande do Sul. Professora aposentada, frequentou oficinas literárias e participou de 24 antologias. Já publicou Coração guepardo, em 2004, e Telhado de vidro, em 2007. É integrante da Casa do Poeta de Santa Maria.
A coleção
A Coleção Originais cumpre uma das mais importantes missões do Instituto Estadual do Livro: incentivar qualidade de nossos autores, revelando talentos, trazendo à luz a primeira obra de escritores, além de publicar nomes já reconhecidos e com uma carreira consolidada.
As obras foram escolhidas pelo conselho editorial do instituto após abertura de edital para seleção. O projeto é em coedição com a Companhia Rio-Grandense de Artes Gráficas (Corag) e tem o apoio da editora Modelo de Nuvem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário