segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Bibliotecário voluntário faz o seu registro sobre Biblioteca Social Mundial




"Enquanto não me animo a escrever especificamente sobre Tecnologias e Ciências da Informação, relato minha experiência como voluntário na organização da Biblioteca Social Mundial durante o Fórum Social Temático 2012, em Porto Alegre.

O que é a biblioteca?
Esta biblioteca surgiu em 2001 durante o primeiro Fórum Social Mundial através da campanha Mosaico de Livros, um projeto que visa a arrecadar material e atuar a favor da leitura, da diversidade cultural, do compartilhamento de conhecimento e da estimulação da consciência crítica. O crescimento de sua coleção se dá através de doações: todo visitante/participante dos Fóruns é convidado a deixar uma obra que julgue relevante e que esteja de acordo com a Carta de Princípios do Fórum — são aceitos livros, revistas, folhetos (e acredito que outras mídias também) em todos os idiomas. Ela é reconhecida pelo Ministério da Cultura do governo federal como um Ponto de Cultura desde 2005 (o que é um Ponto de Cultura?) e é atualmente apoiada pela Secretaria de Cultura do estado do Rio Grande do Sul. Após passar por vários prédios (aparentemente o acervo já esteve na Usina do Gasômetro e na sede da CUT), ela ganhou um novo espaço no andar térreo do Memorial do Rio Grande do Sul devido à sua (re)inauguração em 25 de janeiro de 2012. Como parte das festividades, também foi organizado o Sarau À Margem que, além de dar visiblidade à biblioteca, serviu de mote ao lançamento da edição especial do fanzine À Margem.[...]"
(Texto de Fernando Pires)

Nenhum comentário:

Postar um comentário