quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Autores e as bibliotecas

"Mas leio, leio. Em filosofias
tropeço e caio, cavalgo de novo
meu verde livro, em cavalarias
me perco, medievo; em contos, poemas
me vejo viver. Como te devoro,
verde pastagem. Ou antes carruagem
de fugir de mim e me trazer de volta
à casa a qualquer hora num fechar
de páginas?
Tudo que sei é ela que me ensina.
O que saberei, o que não saberei nunca,
está na Biblioteca em verde murmúrio
de flauta-percalina eternamente."

(ANDRADE, 1983, p. 129-130).
 
ANDRADE, Carlos Drummond de. Biblioteca Verde. In ____. Menino antigo (Boitempo – II). Rio de Janeiro: Sabiá; José Olympio; Brasília: Instituto Nacional do Livro, 1983.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

SEBP, Biblioteca Pública e Biblivre

Muitos eventos acontecendo, doações chegando, futuras parcerias sendo estruturadas, espera-se que 2012 seja muito melhor para as atividades do Sistema.

Outro momento para ser registrado aqui no blog, foi a visita de Ubaldo Miranda, diretor executivo do software Biblivre. Ubaldo esteve em Porto Alegre durante a Feira do Livro e aproveitou para uma visita.

Nos encontramos na direção da Biblioteca Pública do Estado, na Casa de Cultura Mário Quintana, para conversar sobre as propostas a respeito do software, o que vem por aí e como estão as coisas aqui no RS. Ubaldo garantiu que o Biblivre vai ser aprimorado, sendo um software modelo para gerenciamento de bibliotecas, sempre se baseando na filosofia do software livre, buscando disseminar conhecimento entre as bibliotecas do país, principalmente as de interior, que possuem menos recursos para difundir a cultura local e adquirir softwares pagos.

Tanto a coordenadora do Sistema, Rosana Vasques, quanto a diretora da Biblioteca Pública, Morgana Marcon, ficaram entusiasmadas com a possibilidade de trabalhar esses ideais, possibilitando uma inclusão digital entre as bibliotecas do interior do nosso Estado.

Fica aqui o registro dessa adorável visita, e a torcida para que, no próximo ano, o Sistema consiga ter um programa de treinamentos e apoio mais intensificado às bibliotecas.
Aliriane Almeida, Morgana Marcon. Diretora da Biblioteca Pública do Estado, Ubaldo Miranda e a coordenadora do SEBP, Rosana Vasques

Sarau Elétrico: do Ocidente para as bibliotecas públicas do Estado


Na semana passada o Sistema recebeu uma doação de livros muito especial: Sarau Elétrico.
São 400 exemplares destinados às bibliotecas públicas e comunitárias ligadas ao Sistema (saiba mais sobre as doações na página Sobre o SEBP ). 

O livro tem abertura com uma crônica de Fabrício Carpinejar - poeta, cronista e amigo do Sarau Elétrico (como diz no próprio livro..). Confira um trechinho:

" [...] - É imperdível, todo porto-alegrense tem a obrigação cívica de assistir uma vez na vida Tangos e Tragédias no Theatro São Pedo e o Sarau Elétrico no bar Ocidente. Formam pré-requisitos indispensáveis para comprovação de naturalidade. Se alguém não fez isso em doze anos, morreu com a cuia na mão.
- Que complicado..
- Não é complicado, é exaltação urbana do pago.[...]"

SUMAN, Kátia. et al. Sarau Elétrico. Porto Alegre: Belas-Letras, 2011.

A responsável pela elaboração da publicação, Kátia Suman, acompanhou a doação de perto juntamente com a coordenadora do Sistema, Rosana de Lemos Vasques.

Parabéns pela iniciativa do Sarau e pela parceria com o Sistema, certamente as bibliotecas irão receber um material de qualidade em todos os sentidos.

Kátia Suman e Rosana Vasques

Twitter: @saraueletrico

Dica de livro

Hoje, mais uma dica de livro. Recebemos de doação apenas um exemplar da Biblioteca Nacional, na Feira do Livro. Vamos encaminhar para a Biblioteca Pública do Estado.
Confira um trecho..

"Queria eu poder ter uma página em branco. Uma vida em branco. Mas a cada passo, a cada linha, deixo feridas e rabiscos."

SCHROEDER, Carlos Henrique. As certezas e as palavras. Jaraguá do Sul : Editora da casa, 2010.


Saiba mais sobre o livro e o autor: http://www.carloshenriqueschroeder.com.br/livros.php

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Resultado Edital Biblioteca Viva RS

É com grande satisfação que comunicamos a publicação, no Diário Oficial do Estado, no dia 24 de novembro de 2011, dos resultados do Edital Sedac nº 12/2011, Edital de Concurso “Biblioteca Viva RS” para Modernização de Bibliotecas Públicas Municipais do Estado do Rio Grande do Sul. A ata da Comissão de Avaliação e Seleção poderá ser consultada também no sítio eletrônico da Secretaria de Estado da Cultura (www.cultura.rs.gov.br), na aba secretaria/editais.
A partir da divulgação dos resultados, abre-se o prazo de 5 (cinco) dias úteis para apresentação de eventuais recursos, portanto, até o dia 30 de novembro (subitem 8.3 do Edital).

Ainda que pendente a fase de recursos e publicação do resultado final do Edital, solicitamos aos municípios que verifiquem a documentação necessária para que a efetivação ocorra ainda este ano, conforme subitem 9.6 do Edital.

Nesse sentido, será necessário atender ao disposto na Instrução Normativa CAGE nº 01/06, de 21 de março de 2006, em especial, art. 5º (documentação), 6º (plano de trabalho) e art. 8º. De modo a orientar o preenchimento do plano de trabalho, encaminhamos um modelo já parcialmente preenchido (que evidentemente pode ser modificado pelo proponente).



Treinamento Biblivre em Santo Ângelo

Antes tarde do que nunca. A notícia está bem desatualizada mas o registro tem que ficar!
O Sistema de Bibliotecas está com sua rotina bem agitada devido ao Edital de Modernização de Bibliotecas Viva RS mas sempre há um tempinho para atualizar as postagens.

No início de outubro, o Sistema de Bibliotecas participou da programação da Feira do Livro de Santo Ângelo com um mini-curso do software Biblivre (mini pois não foram explorados todos os recursos do software).

O SEBP/RS tem apoiado e auxiliado (no que é possível) a utilização do Biblivre por entender que é uma alternativa às bibliotecas de menor porte que não tem recursos financeiros e nem bibliotecários aptos a trabalhar com softwares mais sofistificados.

Atualmente apenas uma pessoa da nossa reduzida equipe está dando esse help: Eu!, esta que vos escreve e tenta manter o blog em dia.

A minha participação no treinamento em Santo Ângelo foi o projeto-piloto para os próximos treinamentos que o Sistema pretende retomar - tomara que com uma equipe maior.


O mini-curso aconteceu no Tele Centro de Sto. Ângelo, que fica no mesmo prédio da biblioteca pública
No total foram 11 participantes representando 08 municípios da região
Agradeço a todos que me acolheram com muito carinho em Santo Ângelo: os responsáveis pela organização da Feira do Livro - através da Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Juventude -, a responsável pela Biblioteca Municipal Policarpo Gay, Terezinha Angst e a bibliotecária Fernanda Ribeiro Paz. 
Da esquerda para direta: Aliriane Ferreira Almeida, representando o SEBP, Fernanda Paz, bibliotecária de Santo Ângelo, Leoveral Soares, Secretário da Cultura e a responsável pela biblioteca pública, Terezinha Angst.
Agradeço também aos 11 funcionários de bibliotecas que compareceram no treinamento e expuseram todas as dificuldades encontradas no dia a dia de uma biblioteca do interior. Refaço minhas palavras no treinamento: vamos sempre pensar que a situação um dia vai melhorar e trabalhar com otimismo e boa vontade (mesmo que isso pareça um discurso clichê e difícil de colocar em prática).

Os municípios que participaram foram: Santo Ângelo, Pirapó, Porto Xavier, Rolador, São Miguel das Missões, São Paulo das Missões, Ubiretama e Vitória das Missões.

Texto: Aliriane Ferreira Almeida

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Biblioteca Viva RS começa avaliação do primeiro edital

Na tarde dessa quarta-feira a comissão de habilitação do primeiro edital do projeto Biblioteca Viva RS iniciou o trabalho de seleção dos projetos. São 72 propostas habilitadas a concorrer a recursos de até R$ 20 mil para modernização de bibliotecas públicas.

Dia 18 comissão faz avaliação final dos projetos habilitados no primeiro edital
 
 
O secretário de Estado da Cultura, Assis Brasil, abriu a reunião destacando o trabalho de cada avaliador. “É muito importante a participação e o trabalho de vocês neste que é nosso primeiro edital para a modernização de bibliotecas, com recursos próprios do governo do estado. Este é o inicio do cumprimento de mais uma das metas de governo”, disse.
O secretário Adjunto, Jéferson Assumção, detalhou o projeto de modernização das Bibliotecas e a importância do Programa do livro e leitura, que  criação no estado. “A destacar que a modernização de Bibliotecas é um dos projetos prioritários da secretaria. É importante dizer também que a importância  dos editais é que eles agregam uma maior qualificação  aos projetos”, completou.
A comissão de seleção é formada por sete representantes da sociedade civil e do governo do estado. Nessa sexta-feira (18), às 14h, a comissão volta a se reunir para definir a classificação final dos projetos.
O programa Biblioteca Viva RS, que visa também ampliar o acesso e direitos culturais do cidadão, é executado e coordenado pela diretoria de Cidadania Cultural da Sedac, por meio do Sistema Estadual de Biblioteca Públicas.

 Texto: Asscom Sedac

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Campanha da Associação Ligia Averbuck, associação de amigos do Instituto Estadual do Livro - RS


Entrou no ar hoje a campanha da Associação Ligia Averbuck, associação de amigos do Instituto Estadual do Livro. A campanha, criada pela Competence, busca associados para incentivar a formação de novos e melhores leitores no Rio Grande do Sul.

Em sua parte gráfica, as peças mostram personagens clássicos da literatura internacional lendo livros de autores gaúchos – mostrando que quem vive entre páginas de livros, aprecia nossos autores. Vemos, por exemplo, o Pequeno Príncipe lendo Moacyr Scliar ou os Três Mosqueteiros lendo os três volumes de O Tempo e O Vento. As ilustrações da campanha, lindas aquarelas, foram feitas por Fernando Geisel.


Na parte eletrônica, temos spots de autores gaúchos falando da sua relação com os livros – revelando, inclusive, o leitor que existe em cada um deles. Martha Medeiros, Leticia Wierzchowski, Claudia Tajes e Jorge Furtado já gravaram depoimentos, apoiando esta nova fase da Associação Ligia Averbuck e do IEL. Os spots foram produzidos pela produtora “B”.

A campanha será veiculada com o apoio dos veículos do estado – e, desde já, Ana Mottin da Associação Ligia Averbuck e a Competence agradecem este apoio.






Ficha Técnica
Anunciante: Associação Ligia Averbuck
Agência: Competence
Direção de Criação: Marcelo Pires
Direção de Arte: Mauricio Medeiros Donati e Bruno Rodrigues
Redação: Marcelo Pires e Gustavo Barletto
Produção Gráfica: Sergio Aguirre
Produção Eletrônica: Léa Macedo
Mídia: Carla Azevedo
Planejamento: João Satt, Patricia Carneiro e Mateus Piveta
Atendimento: Rosangela Lopes, Cristiane Farias e Rafaela de Faveri
Arte-final: Antonio Schneider e David Schell
Ilustração: Fernando Geisel
Produtora de Áudio: B Sound Thinking
Produção Gráfica: Print Paper, Pallotti, Ideograf, Pino, Benevenuto, Idéia e FreeDesign
Aprovação (cliente): Ricardo Silvestrin, Ana Mottin



Convite Feira do Livro de Osório

Biblioteca Pública presente na 26ª Feira do Livro de Osório que ocorrerá de 28/11 a 03/12/2011. Confira a programação.

Está é maior Festa do Livro e da Leitura de Osório. Fique por dentro! Participe.

Faça o download da programação no link abaixo:

Aniversário da Bibliotheca Pública de Pelotas

A Bibliotheca Pública Pelotense nos anos 1920. Foto: Arquivo da BPP, reprodução


Uma boa parte da história recente de Pelotas tem endereço certo: a Bibliotheca Pública Pelotense, que no próximo dia 14 completa 136 anos de criação. Fundada por um grupo de republicanos, a BPP se destaca pela arquitetura – mais evidente depois do restauro concluído em 2008 – e pelo acervo.

Detalhes internos da BPP. Fotos: Nauro Júnior, BD, 29/10/2008


Além dos 200 mil livros e cerca de 60 mil periódicos ali guardados, há também objetos e peças históricas expostas no museu construído no porão do prédio. Shows, exposições e saraus também têm lugar na casa, que recebe em torno de 300 visitantes por dia, em média, segundo a administração.
Veja mais detalhes arquitetônicos da biblioteca:

Fotos: Nauro Júnior, BD, 01/02/2007


Foto: Nauro Júnior, BD, 29/10/2008

FONTE: Almanaque Gaúcho (postado em 08/11/2011)

Iniciam comemorações pelo centenário das obras de Simões Lopes Neto

O Instituto João Simões Lopes Neto, com sede em Pelotas, iniciou na tarde dessa sexta-feira (11) as comemorações pelos 100 anos da publicação de Contos Gauchescos e da Revista do  Centenário .
A Jornada Simoneana: discutindo Contos Gauchescos e seu percurso no primeiro centenário é promoção do Instituto Simões Lopes Neto. O secretário de Estado da Cultura, Assis Brasil, foi o orador da abertura oficial das comemorações, junto com o conselheiro do Instituto, Fausto Leitão Domingues. A abertura do evento foi feita pelo prefeito de Pelotas, Adolfo Antonio Fetter. [...]

Fonte: Asscom Sedac

Atividades na Semana de Aniversário da Biblioteca Pública de Canoas

Lançamento do livro A Mão Escarlate e outras histórias de Henrique Martins de Freitas
Clube de Leitura e Arte com a Participação do escritor Henrique Martins,
Ancila Dani e coordenado por Fernando Lima
Oficina de Quadrinhas com o escritor Henrique Martins

A geração digital não sabe navegar

A geração digital não sabe navegar: Estudos recentes sugerem que os jovens não sabem pesquisar na internet. Como as escolas podem ajudá-los a explorar essa fonte de informação

Bruno Ferrari / Revista Época

No início dos anos 1990, uma coleção de enciclopédias tinha o mesmo valor educacional que um microcomputador tem hoje em dia – eram ótimas ferramentas de pesquisa para os estudantes. Para quem tem menos de 20 anos, pode parecer incompreensível. Como uma coleção de livros de capa dura, grandes, pesados e difíceis de manusear, pode ser tão eficaz quanto os programas de busca da internet, que nos colocam a dois cliques de qualquer resposta? A geração que nasceu depois do surgimento da internet tem a sua disposição o maior volume de informação da história. Mas novos estudos sugerem que a intimidade dos jovens com o mundo digital não garante que eles sejam capazes de encontrar o que precisam na internet.

Uma pesquisa da Universidade de Charleston, nos Estados Unidos, mostra que a geração digital não sabe pesquisar. Acostumados com a comodidade oferecida por mecanismos de busca como o Google, eles confiam demais na informação fácil oferecida por esses serviços. O estudo mostrou que os estudantes usam sempre os primeiros resultados que aparecem após uma busca, sem se importar com sua procedência. No estudo, os pesquisadores pediram a um grupo de universitários que respondesse a algumas perguntas com a ajuda da internet. Mas fizeram uma pegadinha: fontes de informação que não apareceriam no topo da lista de respostas do Google foram apresentadas propositalmente como primeira opção. Os estudantes nem notaram a troca: usaram as primeiras respostas acriticamente. Outro estudo, realizado pela Universidade Northwestern, nos Estados Unidos, pedia que 102 adolescentes que estavam se formando no ensino médio buscassem termos diversos em sites de pesquisa on-line. Todos trouxeram os resultados, mas nenhum soube informar quais eram os sites usados para obter as respostas: se veio da internet, já estava bom.


Leia na íntegra: Pesquisa Mundi

Frase do dia - 14.11.11 - Biblioteca Pública de Cerro Branco

Frase do dia - 14.11.11 - Biblioteca Pública de Cerro Branco: 

"Há coisas que melhor se dizem calando." (Machado de Assis)

Exposição escritores Osorienses – Jerri Roberto Almeida

A exposição do escritor osoriense no mês de novembro na Biblioteca Pública é do professor Jerri Roberto Almeida que foi o escolhido como patrono da 26ª Feira do Livro em Osório, o maior evento literário do Município e um dos maiores do Litoral Norte. Jerri Roberto Almeida é historiador e professor. Realizou sua especialização em História com uma reflexão acerca das possíveis contribuições da literatura para a construção do conhecimento histórico.

Em suas reflexões, busca o diálogo entre Espiritismo e Ciências Humanas, demonstrando a importância da inserção do conhecimento espírita no conjunto do saber humano.


Atualmente, tem se voltado para o estudo da convivência e das relações familiares, realizando palestras e seminários no Rio Grande do Sul e Santa Catarina.


Possui vários artigos de História, Filosofia e Espiritismo, publicados em jornais e órgãos especializados. É autor dos livros divulgados através do blog:











Dica de livro

Aproveitando a indicação de doações que chegaram até o Sistema de Bibliotecas, fica registrado aqui no blog 10 exemplares que chegaram do livro de fotografias do fotógrafo Eurico Sales Porto Alegre: centro histórico.


O livro abre com uma citação de Gustavo Cerati:

"...Me verás volar 
Por la ciudad de la furia
Donde nadie sabe de mi
Y yo soy parte de todo..."

Confira o que saiu na internet sobre o livro:
O livro ‘Centro Histórico de Porto Alegre’, assinado pelo fotógrafo Eurico Salis, apresenta 130 fotografias em preto e branco do cotidiano da cidade. Seu foco não é somente a arquitetura histórica do espaço, mas a vida que se movimenta no entorno destas edificações, ruas e monumentos. Segundo Eurico, trata-se de um depoimento, com uma visão atual do bairro, que ganhou em 2008 a denominação de Centro Histórico. O novo trabalho será lançado nesta segunda-feira, 10, no Chalé da Praça XV, às 19h, e tem o patrocínio da Procempa, Sulgás, Lojas Pompéia, Rossi e Caixa Federal, com financiamento através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.
O fotógrafo Luiz Carlos Felizardo, que assina o texto de apresentação do título, destaca que “as fotografias deste livro lembram o começo do Eurico-fotógrafo, e não apenas por causa das semelhanças de assunto. Lembram que ele aprendeu fotografia num tempo em que o fotógrafo era o único responsável pela riqueza das tonalidades das imagens em preto-e-branco”. Outras personalidades deixaram registrados seus depoimentos no livro: Eva Sopher, diretora do Theatro São Pedro; ex-prefeito José Fogaça; José Fortunatti, atual prefeito e morador do centro; Gelson Radaelli, artista plástico; a jornalista Kátia Suman; Rita Chang, presidente do Conselho Municipal do Patrimônio Histórico Cultural; e Sérgius Gonzaga, secretário Municipal de Cultura, entre outros. [...] Fonte/Leia na íntegra: Coletiva.net






Dica de livro

Recebemos no final da semana a doação de uma publicação que é produto de um projeto muito interessante e que será encaminhada para a Biblioteca Pública do Estado.

Confira o release da obra:


"Mulheres - da Ideia ao Projeto - Uma experiência de produção compartilhada" consiste na publicação do processo de uma oficina de produção audiovisual realizada de 05 a 28 de fevereiro de 2011 no SescRio/Centro e dividida entre aulas, palestras, consultorias. Essa experiência de produção compartilhada contou com a participação de 15 jovens mulheres que já tinham algum tipo de trabalho ou pesquisa audiovisual que somadas à equipe de produção resultou em 22 mulheres arrojadas e empenhadas em desenvolver um projeto único, da ideia inicial à apresentação final.

Confira maiores informações nos canais oficiais da internet: