segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Divulgação - Dia Nacional do Livro em Herveiras



A Biblioteca Pública Municipal Professor Areny Claas de Herveiras, realizou na última sexta-feira dia 28/10, algumas atividades diferentes na Biblioteca, estas que foram em comemoração ao dia Nacional do Livro, participaram deste evento cerca de 55 pessoas o dia todo, nesse dia foi feito diverssas atividades relacionado a livros, Biblioteca, Leitura etc. As atividades da manhã foram: leitura e hora do conto, confecção de uma história, que as crianças coloriram as imagens e esta foi colocada em uma tv feita de papelão, livrinhos feitos de e.v.a para expor na Biblioteca, quebra cabeças, jogos. 

A tarde foi feito leitura e hora do conto, livrinhos de e.v.a, elaboraram frases em grupos sobre a importância do livro e fizeram um cartaz para expor na Biblioteca e por último criaram histórias usando máscaras e fantoches, que  foram enssaiadas e após apresentado para os demais. foi muito bom, porque sempre é uma forma de mostrar  e aprender  mais também sobre a importância que os livros e a leitura tem em nossa vida, porque são eles a base de todos nossos conhecimentos.
Divulgação: Maristela Vollmer - Responsável pela Biblioteca

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

100 livros essenciais da literatura brasileira

Quais são os 100 livros fundamentais, essenciais, imperdíveis da literatura brasileira? Que romance, poesia, crônica ou conto você não pode deixar de ler na vida? Dom Casmurro, Brás Cubas, Macunaíma, Sargento de Milícias, Grande Sertão Veredas e outras grandes obras do Brasil. A revista Bravo selecionou os 100 melhores livros dos melhores autores do país. Aqueles clássicos que caem no vestibular com 100% de certeza. Um ranking dos livros mais importantes do Brasil. Veja a lista no final do texto ou siga as dicas de 17 educadoras que selecionaram os livros essenciais para ler dos 2 aos 18 anos e chegar a vida adulta com boas referências, no hotsite Biblioteca Básica.

Escritores costumam ser, até por ofício, bons frasistas. É com essa habilidade em manejar palavras, afinal, que constroem suas obras, e é em parte por causa dela que caem no esquecimento ou passam para a história. Uma dessas frases, famosa, é de um dos autores que figuram nesta edição, Monteiro Lobato: "Um país se faz com homens e livros". Quase um século depois, a sentença é incômoda: o que fazer para fazer deste um Brasil melhor? No que lhe cabe, a literatura ainda não deu totalmente as suas respostas. [...]

Fonte: Educar para crescer

Feira do Livro começa democrática em Porto Alegre

A Feira do Livro foi aberta oficialmente no fim da tarde desta sexta, no Teatro Sancho Pança, do Cais do Porto, com a presença da ministra da Cultura, Ana de Hollanda, representando a presidente Dilma Rousseff. Na abertura, a Feira honrou a palavra que mais a define: democrática. Todos tiveram voz, desde a ministra até um grupo de 80 estudantes que protestava contra o Enem e acompanhou o cortejo de abertura do Cais até a Praça de Autógrafos, sob comando da sineta do xerife Julio La Porta.

A palavra transitou primeiro pelo discurso do presidente da Câmara do Livro (CRL), João Carneiro, que falou dos desafios de ampliar o acesso ao livro e à leitura. “Há ainda aqueles que precisam ser estimulados, que devem descobrir a Feira”, ressaltou. [...]

Fonte: Correio do Povo

O Horror na Biblioteca

O evento O horror na Biblioteca acontece, nesta segunda-feira (31), às 15h30, na Sala Leste do Santander Cultural. Trata-se de um breve passeio pelos clássicos da literatura de horror, desde o seu nascimento até a criação da ficção científica, com o tradutor Guilherme da Silva Braga.

Fonte: 57ª Feira do Livro

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Profissões pouco populares que ganham espaço nos concursos públicos (Biblioteconomia)

Rio - A escolha da carreira a seguir normalmente é cercada por indecisão e muita expectativa dos mais próximos. As alternativas clássicas, como medicina e direito, são sempre bem-vindas. Mas o anúncio da escolha de cursos menos populares, como arquivologia e biblioteconomia pode causar estranheza. A pergunta que, provavelmente, surgirá é: há mercado para essas carreiras? Sim, há! Apesar de pouco conhecidas, são opções interessantes aos que buscam uma vaga no mercado público.
Só este ano, Banco do Brasil, Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) ofereceram oportunidades para bibliotecários e arquivistas. Dentre os candidatos à vaga na Finep, Isabela Siebra foi uma das bem-sucedidas no concurso. A bibliotecária está aguardando agora ser chamada para a vaga.
- Estou muito animada e ansiosa para ser chamada para a Finep. Inclusive, já passei também para a Uerj e pro Ministério Público, mas ambos são para cadastro de reserva. Sempre atuei na minha área, nunca tive problemas com isso - afirma Isabela, 41 anos, formada desde 1991, e atualmente trabalhando na biblioteca da Faculdade da Academia Brasileira de Educação e Cultura (Fabec).
Alex Mendes, professor da Academia do Concurso, analisa o cenário dessas carreiras:
- Em muitos concursos, o número de candidatos com a qualificação exigida ou que se interessem pela função gera baixa procura relativa, considerando a média de demanda por outros concursos. Essas vagas são pouco divulgadas e, consequentemente, desejadas, gerando, assim, uma relação candidato vaga mais atraente.
O arquivista Renato Valentini também não tem do que reclamar sobre sua área. Há um ano e meio atuando nos arquivos da Fiocruz, o profissional lamenta apenas a pouca importância dada a profissão.
- A procura por essas carreiras ainda é baixa, considerando a importância delas. Porém, venho notando nos últimos anos alguma melhora nesse sentido. As pessoas estão começando a valorizar aqueles que organizam e facilitam o acesso a documentos importantes para a história da sociedade. [...]

Leia na íntegra em: 

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Divulgação - Convite Biblioteca Pública do Estado convida


"Neste ano a Biblioteca Pública do Estado completou 140 anos. Convidamos você para participar das atividades comemorativas: a primeira acontece no próximo dia 29 de outubro, ás 18 horas, na sala oeste do Santander Cultural:  Painel sobre a história da Biblioteca Pública e mostra da obra de restauro e apresentação das obras de artistas que farão parte da exposição, a ser inaugurada no dia 04 de novembro.
Na mesa, os arquitetos Edegar Bitencourt da Luz e Maria Lúcia Duarte Fuentefria, a jornalista e professora Paula Ramos e o artista Frantz
Contamos com a sua presença. Convite anexo.
 
Morgana Marcon, CRB-10/1024
Diretora da Biblioteca Pública do Estado do RS - Secretaria de Estado da Cultura"


segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Revista Cult » Bicentenário de livros - Evento começou hoje na Biblioteca Nacional

Revista Cult » Bicentenário de livros: Discutir o papel das bibliotecas no futuro é a proposta do evento Biblioteca + 200, que comemora o bicentenário da Biblioteca Nacional. Entre os temas escolhidos para as mesas de debate, estão os cenários e tendências das bibliotecas digitais e os desafios entre acesso à informações e preservação.[...]

Fonte: Revista Cult

Repositórios institucionais no Brasil

Robson Almeida mapeou os repositórios institucionais no Brasil, vinculados ao projeto IBICT/FINEP.

Fonte: BSF - Bibliotecários Sem Fronteiras
Leia em: http://bsf.org.br/2011/10/24/repositorios-institucionais-no-brasil/

Doação de livros na Feira do Livro de Porto Alegre










Divulgação de projeto musical em Colinas


A Secretaria Mnicipal de Educação e Cultura de Colinas juntamente com a Administração Municipal, vem desenvolvendo um projeto de música há vários anos, o qual engloba as escolas do município e jovens que queiram participar. Nas escolas são oferecidas aulas de música dentro do horário de aula, para todas as turmas, desde a Educação Infantil até a 8ª Série, projeto de flautas para o 4º ano e o 5º Ano, além de incluir as datas comemorativas, bem como o teatro e a dança.

 


No turno inverso, ocorrem as Oficinas de Instrumentos, oferecidas gratuitamente para todos os alunos, os quais participam das mesmas conforme o interesse, podendo escolher o instrumento que desejam aprender, sendo que a maioria dos alunos recebe o instrumento do município. A partir deste trabalho, surgiu no decorrer dos anos, a Banda Municipal, a Banda Marcial, o Grupo Instrumental, o Grupo de Prática de Conjunto das Oficinas de Música, o Grupo de Violinos, o Grupo de Flautas, e Pequenos Grupos de Bandas dentro do próprio município, sendo que temos hoje músicos de Colinas tocando em diversas bandas da região.


Todo esse trabalho, é simplesmente o resultado da dedicação e empenho dos professores de música, o comprometimento dos alunos, a parceria das escolas, bem como o apoio do município, através da valorização e do investimento na área da música.

Baseado nestes resultados e conquistas através do trabalho musical, acreditamos que precisamos continuar investindo e aperfeiçoando cada vez mais o Projeto Musical. Por isso a partir do ano de 2009, sentiu-se a necessidade de ampliar o Projeto, além de manter todo o trabalho que já estava sendo desenvolvido, diversificou-se e agregou-se mais oficinas, com instrumentos diferentes, que até então, ainda não estavam sendo oferecidos, contando atualmente com cinco professores qualificados na área.


As aulas e os ensaios das oficinas de instrumentos musicais acontecem na Biblioteca Pública Municipal de Colinas durante a semana, em horários e dias fixos, conforme o instrumento que o aluno escolheu e se inscreveu no início do ano. São oferecidas aulas dos seguintes instrumentos musicais: violão, violino, guitarra, contra-baixo, contra-baixo acústico, cavaquinho, mandolim, banjo, escaleta, teclado, acordeon, violoncelo, bateria, flautas doces (soprano, contralto, tenores e baixo), flauta pífano e transversal, clarinete, saxofone, trombone, trompete, tuba, xilofone e diversas percussões.

“Acreditamos que investir e oferecer uma Educação Musical é essencial, pois é dar à criança a oportunidade de se auto-descobrir, é despertar os seus talentos, promover a sua auto-estima e desinibição, estimular o raciocínio, a memória e a atenção, além de promover o desenvolvimento do ser humano como um todo.” (Tânia Fensterseifer, pedagoga e coordenadora educacional e cultural.)

Sarau poético-musical Álvares de Azevedo

A Biblioteca Erico Veríssimo promove o Sarau Álvares de Azevedo, declamação de poesias com acompanhamento de violão, dia 29 de outubro, às 16 horas, na Sala de Leitura da Biblioteca, com entrada franca. 

Na ocasião, será relançado o livro Álvares de Azevedo de bolso, do pesquisador Benedito Saldanha. Para homenagear o poeta do romantismo brasileiro, serão apresentadas canções que remetem ao tema. O livro mais recente do escritor Benedito Saldanha foi autografado em abril deste ano, e estará à venda durante o evento. Saldanha é o atual presidente da Sociedade Partenon Literário. 

Nesta obra, além de uma biografia de Álvares de Azevedo, são resgatadas 40 poesias do bardo romântico. Álvares de Azevedo, um dos melhores poetas brasileiros, nasceu em São Paulo, e faleceu aos 20 anos de idade em 1852, mas deixou versos que até hoje são lembrados pela beleza da melodia e caracterizados pelo ultra-romantismo. É um autor que se tornou pop para as novas gerações e que nunca sai de moda. 

No sarau a participação especial do poeta Paulo Bacedônio e dos músicos Francisco Castro, Bira JR e Nabil. 

Dia: 29/outubro - Sábado 
Onde: Biblioteca Erico Verissimo – Casa de Cultura Mário Quintana 
Horário: 16 horas

Biblioteca de São José do Norte está na rede!

A pedidos da bibliotecária Sueli Thomazine, e para valorizar a sua iniciativa, divulgamos o blog que ela teve a iniciativa de fazer para a Biblioteca Pública de São José do Norte. Acesse e confira.



Convite Conselho Regional de Biblioteconomia - Forum

"O Conselho Regional de Biblioteconomia tem o prazer de convidá-lo para 26ª reunião do fórum  na Feira do Livro de Porto Alegre.. 
Nesse sentido, tomamos a liberdade de, enviar a todos os colaboradores e solicitar  a divulgação  de nosso encontro. É extremamente importante que estejam presentes todas as pessoas que trabalham pela defesa das bibliotecas escolares. Em anexo programação oficial.
Pela atenção dispensada ao presente, antecipamos nosso agradecimento."

Acesse a programação no blog:http://forumbibliotecasrs.wordpress.com/2011/10/14/26%C2%AA-reuniao-do-forum-gaucho-pela-melhoria-das-bibliotecas-escolares-feira-do-livro-de-porto-alegre-2/

CRB10: III Seminário Nacional Redes de leitura

Convite: Sarau Hallowen em Venâncio Aires

"II SARAU DE HALLOWEN

Semana Nacional do Livro e da Biblioteca.

Será realizado no dia 28 de outubro de 2011 às 19:30 horas na Biblioteca Pública Municipal de Venâncio Aires ,rua Osvaldo Aranha,515 


VENHA PARTICIPAR USANDO FANTASIA OU ROUPA PRETA.

Coisas terríveis vão acontecer neste dia na Biblioteca Pública:

Musical:
Banda Rodka

Teatro:
Cia. Afrocena

Histórias:
Rosaria e Potira

FEIRA DO TROCA-TROCA DE LIVROS"


Leia mais em: http://vabiblioteca.blogspot.com/2011/10/sarau-e-feira-do-troca-troca-na-semana.html

Feira do Livro de Caxias termina com recorde de 84 mil livros vendidos

"A 27ª Feira do Livro de Caxias do Sul encerrou em grande estilo, no domingo, com a Praça Dante Alighieri lotada e pessoas das mais diversas culturas cantando em uma só voz com o músico Luiz Melodia. A programação completa, que ocorreu de 30 de setembro a 16 de outubro, contabilizou 84.569 livros vendidos e um público de cerca de 340 mil pessoas.

Foram mais de 300 atrações literárias, entre elas sessões de autógrafos, mesas temáticas, bate-papo com autores, contação de histórias, música, palestras, teatro e oficinas. Os três mil metros quadrados de cobertura abrigaram 43 bancas de livreiros de Caxias e de Porto Alegre, e a novidade desta edição ficou por conta do Leiturário, espaço construído sobre o chafariz, para leitura e convivência das famílias.[...]"

Leia na íntegra:  

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Convocação para Cadastro Nacional de Bibliotecas

Conversas sobre Livros, Cinema e Música na Bibliotheca Pública Pelotens

Sarau Poético e Conversa sobre Livros dão sequência, na terça e na sexta da  próxima semana, à programação especial que marca os 136 anos da Bibliotheca Pública Pelotense (BPP). A abertura ocorreu na noite da última quarta, 19, com uma sessão comentada do documentário "O Liberdade", da Moviola Filmes. [...]

Com atividades que se estendem até 14 de novembro - data da fundação da biblioteca, em 1875 - a sequência de eventos recebe o titulo geral de "Conversas sobre livros, cinema e música" e tem como formato preferencial a realização de mesas-redondas com autores, produtores e ativistas culturais de Pelotas, da região e do Uruguai. As atividades  iniciam sempre às 19h30min, com entrada franca. [...]

Fonte: Jornal Agora

Seja repórter na Feira do Livro de Porto Alegre

Ana Paula Figueiredo
Estagiária de Jornalismo
Alunos interessados em praticar as tarefas de um repórter tem, a partir de hoje, uma ótima oportunidade: é a 7ª Cobertura Jornalística da Feira do Livro de Porto Alegre, oficina promovida pela Agexcom. As inscrições – que são gratuitas – vão até 6 de novembro e devem ser feitas nesta página.
A oficina, que será ministrada pelos professores Eduardo Veras e Débora Gadret, ocorre na última semana da Feira do Livro, entre os dias 7 e 11 de novembro, das 14 às 17h, em Porto Alegre.
As tarefas de rotina de um repórter, como reunião de pauta, redação, edição e publicação dos materiais jornalísticos serão realizadas diretamente da feira. Uma redação será montada na sede do Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Sul para que as matérias sejam produzidas.
Os participantes irão produzir notícias que tenham relação com o universo literário da feira, porém menos factuais. Haverá também a possibilidade de fazer matérias em áudio. Para a realização de fotografias e gravação de sonoras é necessário que os alunos levem seus próprios materiais. Alimentação e transporte também ficam por conta de cada um.
O professor Eduardo Veras destaca a importância dos alunos participarem da atividade, que fará a cobertura de um dos eventos mais importantes do Estado. “É a chance de experimentar, na prática, a relevância da cobertura do tema cultura. A ideia é que os alunos usem o olhar curioso e observador para tentar construir uma cobertura desde o primeiro momento até a edição.”
As notícias serão publicadas no Portal3 e no site do Sindicato. A oficina vale 15 horas complementares, sem certificado.

Dicas para doação de livros infantis

A FUNDAÇÃO EDUCAR DPASCHOAL distribui gratuitamente livros infantis desde 1999 e quer que os mesmos sejam utilizados para incentivar a leitura e transmitir valores cidadãos. Normalmente, os livros são doados para escolas públicas, organizações sociais e bibliotecas.

Para recebê-los é necessário preencher o formulário a seguir. O pedido será analisado e, depois de aprovado, serão enviados a uma loja DPaschoal ou central de distribuição da DPK indicado por você.

Para fazer o pedido:

Tenha em mãos o seu CPF, assim como os dados da instituição (CNPJ, Inscrição Estadual, endereço e telefone). Você também deverá informar detalhadamente as atividades que realizará com os livros. Gostariamos que os mesmos sejam utilizados não só para a leitura, mas para o desenvolvimento de ações que estimulem a assimilação do conteúdo.
Os dados deverão ser preenchidos atentamente, pois serão impressos na nota fiscal de doação.

Um próximo pedido poderá ser feito após 3 (três) meses, a partir da data de solicitação.

Contrapartida:

Após a realização das atividades encaminhe-nos materiais que comprovem a utilização dos livros recebidos. Este material poderá ser utilizado em nossas prestações de contas e como material para a divulgação do projeto. O não envio destes documentos impedirão futuras solicitações. [clique aqui para enviar os materiais eletronicamente]. - LINK PARA EXPERIÊNCIAS COMPARTILHADAS

Bom trabalho!
Fundação Educar DPaschoal

Endereço para correspondência:

FUNDAÇÃO EDUCAR DPASCHOAL
Av. Anton Von Zuben, 2155 – Jardim São José
Campinas – SP – CEP 13.051-145

Fonte: http://www.educardpaschoal.org.br

:: OMEP / BRASIL :: - Organização Mundial Para Educação Pré-Escolar - Página Inicial


Bibliotecas populares ampliam espaços de leitura - 20/10/2011 - Gazeta do Povo
As bibliotecas comunitárias que se espalham pelas cidades brasileiras são um ótimo exemplo de construção de cidadania. Elas são organizadas por pessoas comuns que resolveram ajudar a democratizar o acesso à cultura e retiraram a leitura do espaço da educação formal. Há bons exemplos em comunidades menos favorecidas, cafés e até na Rodoviária de Curitiba.
Na capital paranaense, desde 2009 os passageiros que embarcam na Rodoviária às sextas-feiras à noite têm à disposição uma série de livros para ler enquanto esperam pelo ônibus. O projeto surgiu do trabalho voluntário da professora e contadora de histórias Priscila Angélica Santos Sehnem. A iniciativa ganhou corpo e com o apoio da Fundação Cultural de Curitiba se tornou um ponto de cultura. Priscila e uma equipe de quatro pessoas partem para a Rodoviária toda sexta e por três horas, das 19 às 22 horas, apresentam aos passantes o mundo das letras. O acervo foi escolhido especialmente para quem está de passagem e não tem tempo de ler um livro inteiro: os passageiros têm à disposição textos curtos, como crônicas, contos, artigos e poesias. “O empréstimo é momentâneo. A intenção não é ler o livro todo, mas uma história, para depois buscar as livrarias e bibliotecas da própria cidade”, explica Priscila. [...]

Vereador de Estrela fala sobre acervo da Biblioteca

Depois de mudar de casa a biblioteca de Estrela é pauta do vereador Joel Mallmann.

#ficadica

1. O poder público de Estrela deve incluir também nessa pauta a presença de um profissional bibliotecário para atuar na Biblioteca.

2. Uma avaliação do acervo é algo que deve ser feito com muito cuidado. Não precisamos de mais episódios na mídia a respeito de descarte equivocados de materiais nas bibliotecas públicas do Estado.

3. Parabéns ao vereador por defender os recursos mensais para aquisição de novos títulos.

Confira o texto veiculado no portal da Câmara Municipal do município.


"Na segunda-feira o vereador Joel Mallmann (PSB), reiterou seu pedido para que a Biblioteca Pública de Estrela tenha recursos mensais para aquisição de novos títulos. Para o parlamentar, embora haja uma grande coleção, existem vários livros repetidos, ocupando espaço nas prateleiras já lotadas. “Há cerca de cinco exemplares de livros como Cem Anos de Solidão, um clássico, não sobrando espaço para novos”, observa. Por sugestão do presidente da Casa, vereador Juarez Fülber (PPS), os vereadores farão uma visita ao novo espaço da biblioteca, situado no antigo prédio da Ambev, na sexta-feira à tarde.
Outro assunto levantado por Mallmann foi a visita feita à Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), para tratar das lombadas eletrônicas do município. Disse que, após várias reclamações de usuários protocolou pedidos de informações, entre os quais aonde as multas são homologadas, se as lombadas foram auferidas pelo Inmetro, como se dirigir para recorrer de multas e, em especial, se há estudo de viabilidade para instalação das mesmas. “Juntamos essas dúvidas com todo material produzido através da imprensa local e levamos um dossiê até a Seinfra”, observa. Mallmann diz que voltará a tocar no assunto assim que o órgão fizer a fiscalização no município, o que pode estar ocorrendo essa semana."

Fonte: Câmara Municipal de Estrela

Biblioteca de Victor Graeff tem novos livros

LIVROS NOVOS PARA BIBLIOTECA PÚBLICA

A Secretaria de Educação fez mais uma aquisição de livros de literatura estrangeira adulta para a Biblioteca Pública Municipal Monteiro Lobato.
Confira alguns títulos: "A última Música", " Água para Elefante","Diário de uma Paixão"," Noites de Tormenta", " Julieta", " O Discurso do Rei"," A Vida Sabe o Que Faz", " O Rio e a Montanha" entre outros. O horário da Biblioteca é o mesmo do atendimento da escola EMEF Leonel de Moura Brizola. Aguardamos a visita dos leitores.



Fonte: Blog Secretaria de Educação de Victor Graeff:
http://blogdasecretariadeeducacao.blogspot.com

O Fim Da Várzea: Roadie Crew #153 já está na Biblioteca Pública

O Fim Da Várzea: Roadie Crew #153 já está na Biblioteca Pública: Pra que gastar se você pode ler revistas de rock gratuitamente na Biblioteca Pública Municipal Dr. João Minssen? Ah, fala sério... mais uma,...

Divulgação: Biblioteca Pública de Canoas convida

Convite Especial

A Biblioteca Pública Municipal João Palma da Silva tem a honra de convidá-lo para participar das atividades de comemoração de seus 45 anos.
Escolha a atividade de sua preferência e participe. Sua presença é indispensável.
É importante a confirmação de sua presença pelo telefone 51 3462 1622 ou pelo e-mail: bibliotecacanoas@gmail.com.
Equipe da Biblioteca.

Programação:

Dia 17 (SEGUNDA-FEIRA)
10h
Abertura da Semana de Aniversário da Biblioteca Pública com a Mostra Virtual “
Municipal João Palma da Silva: 45 Anos de Saberes
– Apresentação do Grupo Vocal Encanto (Microcrédito Cultural), Saguão da Biblioteca PúblicaBiblioteca Pública”, no Saguão da Biblioteca Pública
14h30min
da Biblioteca Pública
– Oficina de Contação de Histórias com a escritora Jussara Mello (Editora Saraiva), no Auditório
Público-alvo:
ensino fundamental
15h
Contação de história com o Boneco Juca, na Ala pediátrica do Hospital Universitário
– Contação de história com o Boneco Bastião, em frente a Biblioteca Pública
Público-alvo
: Pacientes internados e acompanhantes
19h
Filho, na Biblioteca Pública.
– Aula aberta: Curso de Criação Literária – Isso não é uma oficina – escritor convidado Reginaldo Pujol
Público-alvo
: escritores, professores e público em geral
Dia 18 (TERÇA-FEIRA)
10h
Pública
– Contação de História “A Chegada dos Tamptons” com Fernando Lima, no Auditório da Biblioteca
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental
Contação de história com o Boneco Juca, na Feira do Livro de Niterói
Público-alvo:
alunos do Ensino Fundamental
14h
Cultural), no Auditório da Biblioteca Pública
Oficina de Criatividade com Fernando Lima na Subprefeitura Sudeste (Rua Marechal Rondon, 100 –
Bairro Niterói)
– Apresentação do Grupo “Canto Comtel” com crianças da COMTEL – Guajuviras (Microcrédito
Público-alvo:
alunos do Ensino Fundamental
Apresentação de dança infantil com o Grupo Art & Dança, - coreografia: Brincando, brincando agente
dança!!-, no Saguão da Biblioteca Pública
Público-alvo
: educação infantil e público em geral
15h
da Biblioteca Pública
– 1, 2, 3... Era uma vez Especial com o Boneco Juca – Inauguração Bebeteca no Setor Infantojuvenil
Público-alvo
: educação infantil
Dia 19 (QUARTA-FEIRA)
8h30min
Participação especial do Professor André Luiz dos Santos Cardoso, condutor do Grupo
Cantares, com a Oficina de Técnica Vocal, no Auditório da Biblioteca Pública.
– III Encontro de Contadores de História de Canoas, mediação: Maristela Bongiorni e Sônia Petry
Público-alvo
: contadores de história e mediadores de leitura
13h30min –
Petry
Participação especial do Professor André Luiz dos Santos Cardoso, condutor do Grupo
Cantares, com a Oficina de Técnica Vocal, no Auditório da Biblioteca Pública.
III Encontro de Contadores de História de Canoas, mediação: Maristela Bongiorni e Sônia
Público-alvo
: contadores de história e mediadores de leitura
19h30min
Bongiorni, Alba Brito, Rômulo Griebler, no Auditório da Biblioteca Pública
– Teatro de Sombras – História do Negrinho do Pastoreio – com Sônia Petry, Maristela
Público-alvo
: alunos de EJA, Ensino Médio e público em geral
20h
Simões Lopes Neto adaptado em cordel por Areovaldo Viana e Jô Oliveria, mediação: Fernando Lima
e Miriam Oliveria, no Auditório da Biblioteca Pública.
– Clube de Leitura e Arte – Oficina de Literatura e Arte: cordel e xilogravura da obra 300 Onças de
Público-alvo
: alunos de EJA, Ensino Médio e público em geral
Dia 20 (QUINTA-FEIRA)
9h30min –
Encontro com o escritor Jari da Rocha, no Auditório da Biblioteca Pública.
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
10h –
Rua XV de Janeiro
Participação do Boneco Juca na 9ª Feira Multidisciplinar (SME), na Praça da Emancipação e na
11h
– Intervenção Poética com Deise Meneguel e Charles Brito, na Biblioteca Pública
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
14h30min –
Intervenção Poética com Deise Meneguel e Charles Brito, na Biblioteca Pública
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
15h
Simões Lopes Neto adaptado em cordel por Areovaldo Viana e Jô Oliveira – mediação: Fernando
Lima e Miriam Oliveira, escritor convidado Henrique Martins, no Auditório da Biblioteca Pública.
– Clube de Leitura e Arte – Oficina de Literatura e Arte: cordel e xilogravura da obra 300 Onças de
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
19h30min
Cultural), no Auditório da Biblioteca Pública.
– Documentário Audiovisual sobre “Vida de Coruja” e debate com Cláudia Ávila (Microcrédito
Público-alvo
: alunos de EJA, Ensino Médio e público em geral
Dia 21 (SEXTA-FEIRA)
14h
Getúlio Vargas – Capão do Corvo – (Rua Dona Rafaela, s/n) (Microcrédito Cultural)
– Oficina de quadrinhos com Henrique Martins de Freitas na Biblioparque no Parque Municipal
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
15h
– Apresentação da Orquestra de Câmara de Canoas, no Auditório da Biblioteca Pública.
Público-alvo
: Escritores, músicos e público em geral
19h
Martins de Freitas com exposição de obras do Artista Plástico Fernando Lima. Coquetel de
lançamento, na Biblioteca Pública.
– Lançamento do livro A MÃO ESCARLATE e outras histórias sobrenaturais do escritor Henrique
Público-alvo
: público em geral
Dia 23 (DOMINGO)
10h
CANOENSE PROGRAMA PRIMEIRA INFÂNCIA MELHOR. Apresentação do Boneco Bastião entre
outras atividades do PIM no Parque Municipal Getúlio Vargas – Capão do Corvo – (Rua Dona
Rafaela, s/n)
– Participação do Boneco Juca como mestre de Cerimônia na abertura oficial da JORNADA
Dia 24 (SEGUNDA-FEIRA)
10h
Municipais do curso de Libras, no Auditório da Biblioteca Pública.
– Teatro com a História Branca de Neve em Libras, Professora Mari Mantelle e servidores
Público-alvo
: alunos do Ensino Fundamental e público em geral
14h
Auditório da Biblioteca Pública.,
– Encontro com o Escritor Jairo Luiz de Souza e Zé Caradípia sobre o livro Mariana em Canto, no
Público-alvo:
alunos do Ensino Fundamental e público em geral
19h30min
Cultural), no Auditório da Biblioteca Pública.
– Peça de Teatro “O Cortiço”, com Janete Costa e Grupo CARAPATICUM (Microcrédito
Público-alvo
: alunos de EJA, Ensino Médio e público em geral
Dia 25 (TERÇA-FEIRA)
10h
da Biblioteca Pública), na Biblioteca Pública.
– Poesia em movimento com Caroline Fossá (Poesia Premiada no II Concurso de Poesia no Varal
Público-alvo
: público em geral
14h
Débora Mutter, no Auditório da Biblioteca Pública.
– Debate sobre Moacyr Scliar, com Maria da Glória Bordini, Abrão Slavutzky e mediação de
Público-alvo
: alunos a partir do 8º ano e ensino médio, professores, escritores e público em geral
19h30min
Escritor Canoense – Tema:
– Encontro com escritores canoenses, ACE e Casa do Poeta, em homenagem ao Dia doA Magia de Ler, no Auditório da Biblioteca Pública.
Público-alvo
: escritores, professores, alunos de EJA, Ensino Médio e público em geral
Dia 26 (QUARTA-FEIRA)
16h
Pública.
– Premiação Poesia no Varal e entrega de Diplomas Amigos do Livro, no Auditório da Biblioteca
Público-alvo
: público em geral
17h
Apresentação do Grupo Musical Cama, Mesa e Banho (+ de 120.000 acessos no Youtube), no
Auditório da Biblioteca Pública.
– Confraternização com os Usuários e Convidados, no Auditório da Biblioteca Pública.
Público-alvo
: usuários e convidados da biblioteca
18h
para crianças (PIM), no Auditório Sady Schivtz, na Prefeitura Municipal de Canoas – Rua XV
de Janeiro, 11.
– Participação do Boneco Juca como mestre de cerimônia no Espetáculo PITOCANDO: música
19h
confirmar)
– Inauguração da Audioteca com audição comentada de Sérgio Karan, na Biblioteca Pública – (aPúblico-alvo: público em geral

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Plano Estadual de Cultura em debate dia 21 de outubro

Para elaborar o Plano Estadual de Cultura do Rio Grande do Sul, que pela primeira vez terá a forma de lei, a Secretaria de Estado da Cultura realiza um amplo debate com a sociedade gaúcha.
No próximo dia 21 de outubro é a vez de debater com representantes  da academia gaúcha. Para isso será realizado um seminário com o tema Diversidade Cultural – Construindo o Plano Estadual de Cultura, no Foyer do Theatro São Pedro, a partir das 09h.
Com a participação do diretor de Estudos e Monitoramento de Políticas Culturais, do Ministério da Cultura, Américo Córdula, o seminário terá duas mesas de debates. A primeira, às 10h, com o tema: Identidade e Diversidade Cultural. A segunda, às 15h, com o tema Populações e Territórios
No mesmo encontro às 14h serão diplomados os representantes e suplentes escolhidos para os 10 Colegiados Setoriais de Cultura do RS.
Programação:
9h – Recepção e Abertura –
                   Assis Brasil
                  João Motta
                 Vera Spolidoro
                  Vinicius Wu
10h- Mesa 1 – Identidade e Diversidade Cultural
                        Armindo Trevizan
                       Marcelo Branco
                       Rafael  Oliveira
                      Jéferson Assumção (mediador)
11h – Debates
12h – Intervalo para almoço
14h – Diplomação dos Colegiados Setoriais
15h – Mesa 2- Populações e Territórios
                        Paulo Miguéz
                        Cristina Carvalho
                       Mariana Flores
                       Jéferson Assumção (mediador)
16h – Debates
17h – Encerramento.

Instituto Goethe convida

Duas Palestras de Frank Raumel "A Biblioteca Pùblica do Biberach - Biblioteca do ano em Alemanha" e "Biblioteca Pública e Biblioteca Escolar de Maos Dados"

1 Palestra “A Biblioteca Pública de Biberach”, com Frank Raumel

Todo ano uma única biblioteca é eleita a Biblioteca do Ano, na Alemanha e a Biblioteca Pública de Biberach foi eleita em 2009. O seu diretor Frank Raumel apresentará as múltiplas atividades, ações e iniciativas da Biblioteca como exemplo de boas práticas.

27 de outubro de 2011
10 horas
Auditório do Goethe
Tradução simultânea
Entrada franca
Informações: 51 2118-7800 ou biblioteca@portoalegre.goethe.org

Frank Raumel, bibliotecário formado em Stuttgart e atual diretor da Biblioteca Pública de Biberach, apresentará a Biblioteca do Ano na Alemanha em 2009, com seus múltiplos serviços e iniciativas. A cidade de Biberach possui 32 mil habitantes e a biblioteca cerca de 8.500 usuários inscritos. Todos os anos seu acervo é atualizado em mais de 11 mil novas mídias.






2 Palestra “Biblioteca Pública e Biblioteca Escolar de Mãos Dadas”, com Frank Raumel
Mediação de Morgana Marcon, da Biblioteca Pública do Estado do Rio Grande do Sul

A palestra mostra as variadas atividades e as cooperações da Biblioteca Pública de Biberach com as bibliotecas desde o jardim de infância até o final do segundo grau. Para cada escola há ofertas específicas, levando em conta as necessidades das escolas e dos alunos para melhorar sua competência informacional e aumentar o incentivo à leitura.

Feira do Livro
31 de outubro de 2011
17h30min
Memorial do Rio Grande do Sul - Sala dos Jacarandás
Tradução simultânea (Atenção: Vagas limitadas em setenta fones para tradução)
Entrada franca e sem inscrição
Informações: 51 2118.7800 ou biblioteca@portoalegre.goethe.org
 

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Biblioteca de Arroio Grande no Programa Livro Aberto

Leia em: Biblioteca no Programa Livro Aberto

Leitora da Biblioteca Pública de Nova Petrópolis vence concurso literário estadual


O  concurso já passou, o prêmio foi entregue, mas fica aqui no blog o registro da notícia para quem sabe vir a inspirar outras iniciativas que também valorizem os leitores das bibliotecas.

-------------------------------------------

Na última quinta-feira, 29, a jovem Gabriela Zang Braun, 22 anos, recebeu um e-mail emocionante. Uma das leitoras mais assíduas da Biblioteca Pública Municipal Profª Elsa Hofstätter da Silva de Nova Petrópolis está entre os dez vencedores do 1º Concurso Literário Assombros Juvenis, promovido pela Câmara Rio-Grandense do Livro. O conto “O livro (macabro) dos desejos” foi um dos destaques da competição e Gabriela receberá seu certificado na 57ª Feira do Livro de Porto Alegre. Além disso, o conto fará parte de uma antologia, editada pelos organizadores do concurso.

A história de Gabriela explana uma ficção que critica, implicitamente, a ambição. Um garoto encontra um livro escondido e descobre que tudo o que escreve neste livro acaba se realizando. Porém, todas as vezes que nele escrevia, suas mãos misteriosamente sangravam. Passou o tempo e o garoto escreveu um pedido mal-intencionado e grave, o que o fez morrer.

Gabriela está radiante com a notícia. “Fiquei muito emocionada, para mim é a realização de um sonho. Sempre gostei muito de escrever e ainda penso em realizar meu desejo de menina, que é me tornar escritora”, diz. A jovem acredita que o passo mais importante para ter uma boa escrita é ser um bom leitor. “Somente lendo muito conseguimos escrever bem”, ressalta.


A equipe da Biblioteca Pública ficou muito feliz com a conquista da jovem, que tem seu cadastro na entidade desde 4 de fevereiro de 1997. “A Gabriela sempre foi uma excelente leitora, frequentando assiduamente a Biblioteca. O mais interessante é que ela lê todos os tipos de assuntos, não se prendendo somente a um gênero. Com certeza o fato de ela ler sempre auxiliou para que ela desenvolvesse o seu dom da escrita”, diz a diretora da Biblioteca Pública, Sandra Daniele Artmann.

Já a bibliotecária Susana Carrasco, que sempre auxiliou Gabriela na escolha das leituras e a motivava para cultivar esse hábito, estava orgulhosa da leitora. “Acredito que toda a comunidade leitora de Nova Petrópolis ficou feliz com essa conquista da Gabriela, que acabou motivando ainda mais as pessoas a acreditarem nos seus sonhos e, claro, a ler muito”, diz.

O 1º Concurso Assombros Juvenis é uma iniciativa da Reinações: Confraria da Leitura de textos infanto-juvenis e da CRL: Câmara Rio-Grandese do Livro, com apoio da CORAG, que visa estimular a escrita de textos infanto-juvenis.
O júri foi composto pelo escritor Dilan Camargo, editora Elaine Maritza da Silveira, e professora e contadora de histórias Liza Caldeira, sob a coordenação do escritor Caio Riter.

Biblioteca Pública
Desde o incêndio ocorrido na Biblioteca, em 4 de junho deste ano, que destruiu cerca de 80% do acervo atingido pelas chamas, Gabriela lamenta a tragédia. Apesar disso, já está contando os dias para quando a entidade abrirá novamente. “Estou ansiosa para quando isso acontecer, com certeza serei uma das primeiras a pisar lá quando as atividades voltarem ao normal”, diz.
O prédio da Biblioteca, desde então, passou por diversas reformas na sua estrutura interna; incluindo pisos, portas, reboco, vidros, esquadrias, paredes, janelas, forração, pintura e troca da fiação elétrica. Em relação à parte literária, as colaboradoras da Biblioteca estão trabalhando na organização e controle dos livros recuperados, dando baixa no sistema. Posteriormente será feita a seleção e cadastro dos livros doados. A previsão de reabertura das atividades da Biblioteca é para o início de 2012.

Fonte: ClickRBS/ Assessoria de Imprensa de Nova Petrópolis